Utilizada em muitas indústrias, a lona geomembrana é um tipo de revestimento de contenção para fluidos ou gases. É especialmente importante em setores agrícolas, químicos, na construção civil ou industriais. 

Ou seja, segmentos que exigem a contenção dos resíduos perigosos para fins de proteção das fontes de água potável. A lona de geomembrana é um material resistente e durável, mas em algum momento tem sua troca necessária. 

Mas como saber qual o momento ideal de substituição da lona, de modo que a obra não seja afetada? Isso é o que vamos descobrir aqui no blog da Nortène

O que é uma lona geomembrana?

Um sistema que utiliza lona de geomembrana tem inúmeras aplicações: impermeabilização de lagoas e canais, conter infiltrações em aterros, impermeabilizar grandes áreas que podem sofrer com movimentações e vibrações, etc. 

Além disso, a lona, conhecida como membrana geossintética, também pode revestir piscinas, pilhas de lixiviação, entre outros. 

Para conter esses líquidos e gases, o material da geomembrana deve ser:

  • Espesso;
  • Resistente a produtos químicos e abrasivos;
  • Resistente a perfurações e cortes;
  • Ter proteção contra a ação dos raios UV. 

Do mesmo modo, o material precisa apresentar baixa permeabilidade (capacidade de reter gases), assim como baixa condutividade hidráulica. É interessante, inclusive, que a lona ofereça baixa taxa de transmissão de gás e vapor de água.

Aplicações mais comuns da lona

As lonas geomembranas são usadas em setores como agricultura, construção civil, energia, mineração e transporte. Além de outros setores industriais de gestão de água e resíduos. 

São materiais para reservatórios de lagoas artificiais, canais, aterros sanitários, barragens, túneis, tubulações, esgotos, estradas e rodovias. Portanto, possuem amplo uso em situações que exigem a retenção constante de fluidos e gases. 

Assim, as membranas geossintéticas evitam a erosão e vazamentos, e protegem contra a contaminação da água. No entanto, toda essa eficiência depende de detalhes como:

  • A qualidade da lona;
  • O tempo de uso dela
  • O cumprimento do prazo de troca do material. 

Por mais resistente que a lona geomembrana seja, em algum momento ela deverá ser substituída por outra. Por isso, é fundamental saber qual o prazo de durabilidade do produto. 

Durabilidade da Lona geomembrana

Na maioria dos casos, os fabricantes das lonas feitas em geomembrana oferecem 3 anos de garantia do produto. Isso significa que, por pelo menos três anos, o produto deverá estar apto para uso. 

Sendo assim, terá durabilidade e resistência o suficiente para não apresentarem rasgos, perfurações e outros danos. Porém, o cuidado com o material também conta em seu prazo de duração.

Dependendo de como a lona foi instalada e onde ocorreu a instalação, o material pode apresentar uma durabilidade ainda maior. Uma lona de Lona Geomembrana Pead 0,8 mm, por exemplo, pode durar de 15 a 20 anos.

Alguns fabricantes garantem a vida útil do produto por até 30 anos, o que representa mais segurança e redução de custos para os projetos. 

Reservatório de Lona Geomembrana PEAD Nortène

A Nortène oferece vários tipos de Reservatórios de Geomembrana para promover estabilidade, segurança e desempenho do sistema de contenção. São produtos confeccionados com sistema de gravação mecânica, assegurando a uniformidade e a repetibilidade de textura.

Acesse nosso site e conheça a linha completa de geossintéticos da Nortène! 

Posso te ajudar? | ¿Puedo ayudarte?